terça-feira, maio 15, 2007

Loopings


De emoções. Fechadas cá dentro.
Do mais alto azul ao mais fundo dos cinzentos impenetráveis.
Assim vão correndo os dias.
Menos televisão, mais palavras trocadas na ponta da língua.
Mais som, menos silêncio.
Assim vão correndo os dias.
Um dia a gente volta a ver-se.
Quando o sol brilhar mais intensamente e as nuvens ficarem lá, bem longe.
Assim vão correndo os dias.

3 comentários:

Anónimo disse...

como eu te entendo.
como eu te entendo..
gi.

alexia disse...

Pois vão...vão correndo com mais ou menos velocidade e grande parte das vezes virando-nos a cabeça para baixo:).

Até

Moura ao Luar disse...

Beijoka grande